Paysandu e Tuna voltam a jogar o clássico Pa-Tu em uma partida oficial, nesta quinta-feira, 09, pela 5ª rodada do Campeoato Paraense, na Curuzu. O último duelo entre os clubes foi em 2013, um empate em 2 a 2. Naquele ano o Paysandu terminou campeão paraense e a Tuna Luso foi rebaixada para a segunda divisão do estadual. 

Pela 6ª rodada do segundo turno do Parazão 2013, Paysandu e Tuna se enfretaram, no Mangueirão. No primeiro tempo, Yago Pikachu abriu o placar para os bicolores com um chute de fora da área que contou com a falha do goleiro cruzmaltino.

Logo no ínicio do segundo tempo, o tunante Hallyson levanta demais o pé, atinge o rosto de Pikachu e é expulso do jogo.

O Paysandu ampliou o placar depois do escanteio batido por Djalma. Diego Bispo, livre de marcação, mandou para o fundo da rede.  O Paysandu chegou a marcar o terceiro com Rafael Oliveira mas a arbitragem deu impedimento.

A reação da Tuna veio no fim do segundo tempo. Aos 43 minutos, a defesa do Paysandu falha. Maninho fica de frente para o gol e bate na saída do goleiro bicolor.

O empate da Tuna veio no último minuto de jogo, aos 47. Pedrinho Mossoró é derrubado na área por Raul. Pênalti para a Tuna. Daniel bate forte no canto esquerdo de Paulo Rafael e empatou o jogo.

O resultado ajudou a Tuna a chegar as semifinais do segundo turno. Mas a Águia Guerreira foi eliminada e rebaixada à segunda divisão do estadual por ter feito apenas um ponto no primeiro turno. O Paysandu enfrentou o Paragominas na final, venceu as duas partidas e conquistou o campeonato.


Expectativa para o Pa-Tu

Após derrota por 4 a 2 no clássico contra o Remo, o Paysandu tenta recuperar a confiança diante do time cruzmaltino. O Papão lidera o Grupo A com 7 pontos. Diferente dos bicolores, a Tuna goleou o Paragominas na última rodada por 4 a 1 e é a vice líder do Grupo B com 5 pontos.

Paulo Rangel, que atuou pelo Paysandu em 2019, crer que a Tuna pode surpreender o Papão na Curuzu. "A gente vem de uma vitória importante, que estávamos precisando muito. Agora é esquecer o jogo contra o Paragominas, pois temos um jogo muito difícil contra o Paysandu fora de casa. Sabemos que o Paysandu é muito forte dentro da Curuzu, mas o nosso time está motivado", disse o atacante cruzmaltino.

"Esse jogo contra a Tuna é de suma importância, ainda mais depois da derrota que a gente teve no clássico com o Remo", afirmou o volante do Paysandu, Paulinho, que jogou apenas o segundo tempo do Re-Pa.


Desfalques 

O Paysandu não poderá contar com o zagueiro Perema, que fraturou um dos dedos da mão esquerda e passou por cirurgia. Segundo o clube, a lesão ocorreu no último Re-Pa.

A Tuna não poderá contar com Eduardo Ramos que foi liberado para ficar com a família. O meia Lukinha deverá ser o substituto direto e foi registrado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF na última quarta-feira, 07. A maior dúvida será na defesa. Dedé está com problema no pé e Renan teve uma lesão no joelho. 


Números do clássico 

Total de jogos: 471

Vitórias do Paysandu: 205

Vitórias da Tuna: 144

Empates: 122

Gols do Paysandu: 695

Gols da Tuna: 625

No século XXI, foram 20 clássicos em jogos oficias, com 16 vitórias do Paysandu, 3 empates e apenas uma vitória da Tuna.


Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem