Em reunião com o governador do Pará, Helder Barbalho, representantes da Federação Paraense de Futebol e dos 10 clubes que disputam o Parazão 2020, foi apresentado o projeto do novo Mangueirão.

O Mangueirão deverá ter cadeiras em todo o círculo do estádio, incluindo atrás dos gols e não apenas nas laterais, o que fará com que aumente bastante a capacidade do estádio, saindo dos atuais 35 mil para 53.645 pessoas.

Os atuais assentos da arquibancada também serão trocados por cadeiras com encosto.

A reforma deverá começar em novembro de 2020, tem data prevista de entrega para julho de 2022 e custará  R$ 155.801.387,73.

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem